Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Terceira Lei de Newton: O princípio da Ação e Reação

por Keila, a Loba, em 01.03.07
Image Hosted by ImageShack.us


AÇÃO 1: Ela é idosa, viúva, diabética e possui calcificação nos dedos e palmas das mãos, além de uma eterna ferida na perna direita. É uma pessoa de temperamento difícil, tem poucos amigos e, os que tem, os compra com pequenos presentes e conversinhas para se informar sobre os moradores da rua onde mora. Leva uma vida de espreita nas janelas de sua casa, costuma "jogar praga" nas pessoas através do uso de praticas místicas para intimidar e, às vezes, usa frases construídas para mostrar poderes mágicos.


REAÇÃO 1: Vive e mora sozinha, mesmo precisando da ajuda de pessoas para ser cuidada e medicada; os filhos são financeiramente dependentes dela, e estes não se fixam nos empregos, além do que não parecem felizes na vida pessoal e no casamento. As pessoas que a visitam se tornaram igualmente interesseiras, e suas visitas servem apenas para vender coisas, fazer pequenos trabalhos domésticos como varrer, lavar louça ou comprar algo, e/ou repassar informações sobre a vida de fulano, cicrano ou beltrano.


AÇÃO 2: Ela não tinha família, era solteira e veio do interior para a capital para tratar-se de leucemia; é dependente de remédios, é uma pessoa humilde e costuma ajudar peregrinos que chegam do interior para a capital porque sofreu muito para se estabelecer em moradia fixa, arrumar emprego e levar uma vida normal na cidade grande. Costuma aparecer na televisão denunciando o descaso social com retirantes da seca, pede ajuda mas trabalha para levar roupas, sapatos, remédios, creche e emprego para minorizar o sofrimento de crianças, adultos e idosos.



REAÇÃO 2: Ela estava na lista de espera por uma medula quando recebeu a notícia de que uma das pessoas que ajudou tinha medula compatível, fez cirurgia, recebeu ajuda de um importante empresário nas despesas hospitalares e acabou casando com um paciente que estava internado nas mesmas condições em que esteve. Hoje o casal tem uma filha e também uma Ong que cuida de pessoas, sendo este um trabalho de destaque na mídia por ser executado por pessoas generosas e cuidadoras.




AÇÃO 3: Ele tinha aversão a gatos, e sempre que tinha oportunidade estimulava os cães que criava a caçar e matar os felinos que se arriscavam a pular no seu quintal. Houve uma época em que sua aversão era tamanha que ele abriu valas no quintal e ali enterrava os gatos ainda vivos, depois de jogar em cima destes generosas porções de cal.



REAÇÃO 3: Estava saudável quando começou a sonhar com sua morte através de insights sobre vidas passadas. Apareceu com febre e um caroço na garganta, fez exames e logo foi diagnosticado cãncer no pulmão e fígado. A doença evoluiu com uma rapidez impressionante, e menos de 5 meses após a descoberta da doença ele estava agonizando no hospital com metástase generalizada, sentindo dores insuportáveis, pulmões encharcados e visível cansaço da equipe médica, até precisar tomar doses cavalares de morfina, ter parada cardíaca e falecer.


AÇÃO 4: Ele sofreu abuso sexual quando criança por longos cinco anos, era um adolescente tímido, com visível problema de auto-estima e auto-imagem, tinha um desempenho escolar pouco expressivo por conta da falta de visão e formação dos professores, era carente e inseguro, e isso dificultava relacionamentos na vida e na escola.



REAÇÃO 4: Foi no ensino médio quando ele começou a ouvir dos colegas problemas bem parecidos com os seus, e resolveu criar um painel de nome Emocionômetro no pátio da escola, local onde crianças e adolescentes eram convidados a listar suas emoções e sentimentos para que os colegas os ajudassem. A idéia deu tão certo que ele é hoje uma das pessoas mais requisitadas para falar sobre " A dor do jovem que procura ser feliz", sendo inclusive referência em países latinos e também europeus. é PhD em educação, é casado e reitor de uma universidade pública, mas é de uma simpatia e simplicidade cativantes.




Image Hosted by ImageShack.us


A palavra karma vem da raiz sânscrita kr que significa fazer ou agir e do sufixo ma que significa efeito. O significado literal de karma é ação. Assim realmente fazemos os karmas e colhemos seus frutos. É a lei de ação e reação. Como disse Isaac Newton, o grande físico sobre a lei da ação e reação: "A toda ação corresponde uma reação igual e em sentido contrário". Esta lei abrange todo o universo, e é considerada um dos princípios fundamentais da física.

A lei do karma é sintetizada nestas palavras: Tudo o que você semear, você colherá.Karma é qualquer tipo de atividade física, mental ou espiritual. Ações corretas produzem bons resultados. Ações erradas trazem más conseqüências. Nós criamos nosso karma através do que pensamos, dizemos e fazemos. Compreender isto é muito importante: o karma é criado por nós, através de pensamentos, palavras e ações.

NÃO HÁ FELICIDADE OU MISÉRIA NÃO MERECIDA.
NÃO SOMOS VÍTIMAS DAS INFLUÊNCIAS EXTERNAS.
NÃO EXISTE INJUSTIÇA.
COLHEMOS O QUE PLANTAMOS.

A Terceira de Lei de Newton explica a natureza do karma?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:01


32 comentários

Sem imagem de perfil

De Nana a 02.03.2007 às 02:50

miga! nao li o post, mas vi q fala da 3ª lei de newtone a lei do karma... tem uma certa coerencia, né? mas sendo ou não, acredito na Lei do Karma!

E eu digo mais! Coitado daquele que não acredita em nada!

beijos do tamanho da lua cheia pra vc, linda! tenha dias mágicos!
Sem imagem de perfil

De Nana a 02.03.2007 às 02:50

miga! nao li o post, mas vi q fala da 3ª lei de newtone a lei do karma... tem uma certa coerencia, né? mas sendo ou não, acredito na Lei do Karma!

E eu digo mais! Coitado daquele que não acredita em nada!

beijos do tamanho da lua cheia pra vc, linda! tenha dias mágicos!
Sem imagem de perfil

De Fernanda a 02.03.2007 às 08:35

Bom dia Keila,
fiquei emocionada com o seu post! Sim, vai de encontro ao meu, olha a coincidência! Se tivermos interiorizado o conceito de karma, de lei causa-efeito, nos pautamos por outra bitola e então a nossa vida é muito melhor.
Que Deus te ilumine.
Bom fim semana!
(Vou colocar seu link no "mãe e muito mais", ok? )
Sem imagem de perfil

De meialua a 02.03.2007 às 08:51

Amiga sempre vais buscar matérias bem interessantes!!

Ainda sem muito tempo, cada vez menos, mas ainda dá para vir aqui deixar um beijo no teu coração :))
Sem imagem de perfil

De Morena a 03.03.2007 às 00:42

Amada Loba, tô um pouco triste e sem vontade de ler. Juro q leio amanha ou domingo!
Obrigada pelo carinho no blog!
Mil beijos
Sem imagem de perfil

De Sônia a 03.03.2007 às 01:12

Faz sentido sim.
Colhemos o que plantamos...nada mais justo não é mesmo?
Difícil é lembrar disso o tempo todo. Estamos sempre cometendo muitos erros, seja com pensamentos, palavras ou ações.
Acho que o segredo é nos policiar o tempo todo.


Abraço Loba! Ótimo fim de semana pra você!
Sem imagem de perfil

De Lobo a 03.03.2007 às 02:17

Nem adianta ignorar, Loba, nem adianta! A coisa mais interessante nisso é que a ciência termina por justificar a lei do karma, mesmo que não queira.

Muito bom o post de hoje!

Uivos pra ti, loba!
Sem imagem de perfil

De O Sibarita a 03.03.2007 às 02:34

Olá Dona Loba! Olha, à luz do Espíritismo, todos temos o livre-arbítrio, ou seja, escolhemos o caminho.

Na Pergunta 121 do Livro dos Espíritos Allan Kardec pergunta: Por que alguns Espíritos seguem o caminho do bem e outros o do mal? Ao que um Espírito Amigo amigo responde: " Não tem eles o livre-arbítrio? Deus não os criou maus; criou-os simples e ignorantes. isto é, tendo tanta aptidão para o bem quanto para o mal. Os que são maus, assim se tornam por vontade própria."

Na pergunta 258, Allan Kardec pergunta: Quando na erraticidade, antes de começar nova existência corporal (reencarnação), tem o Espírito consciência e previsão do que lhe sucederá no curso da vida terena? O Espírito Amigo responde: " Ele próprio escolhe o genero de provas por que há de passar e nisso consiste o seu livre-arbítrio."

Na 261 Allan Kardec pergunta: Nas provações por que lhe cumpre passar para atingir a perfeição, tem o Espírito que sofrer tentações de todas as naturezas? Tem que se achar em todas as circunstância que possam excitar-lhe o orgulho, a inveja, a avareza, a sensualidade, etc.? O Espírito Amigo Respode: "Certo que não, pois bem sabeis haver Espíritos que desde o começo tomam um caminho que os exime de muitas provas. Aquele, porém, que se deixa arrastar para o mau caminho, corre todos os perigos que o inçam. Pode um Espírito, por exemplo, pedir a riqueza e ser-lhe esta concedida. Então, conforme seu carater, poderá torna-se avaro ou pródigo, egoísta ou generoso, ou ainda lançar-se a todos os gozos da sensualidade. Dai não se segue, entretanto, que haja de forçosamente passar por todas estas tendências."

Quanto ao Carma: Na pergunta 262 do Livro dos Espíritos Allan Kardec pergunta: Como pode o Espírito, que, em sua origem é simples ignorante e carecido de experiência , escolher uma existência com conhecimento de causa e ser responsável por essa escolha? O Espírito Amigo responde: "Deus lhe supre a inexperiência, traçando-lhe o caminho que deve seguir, como fazeis com a criancinha. Deixa-o, porém, pouco a pouco, à medida que seu livre-arbítrio se desenvolve, senhor de proceder à escolha e só então é que muitas vezes lhe acontece extraviar-se, tomando o caminho do mau, por desatender os conselhos dos bons Espíritos. A isso é que se pode chamar a queda do homem."

a) - Quando o Espírito goza do livre-arbítrio, a escolha da existência corporal (Encarnação) dependerá sempre exclusivamente de sua vontade, ou essa existência lhe pode ser imposta, como expiação, pela vontade de Deus? O Espírito Amigo responde: "Deus sabe esperar, não apressa a espiação. Todavia, pode impor certa existência a um Espírito, quando este, pela sua inferioridade ou má vontade, não se mostra apto a compreender o que lhe seria mais útil, e quando vê que tal existência servirá para a purificação e o progresso do Espírito, ao mesmo tempo lhe sirva de espiação."

Na realidade, ninguém, reencarna mau. O seu caminhar, as suas escolhas é quem determinará a lei da causa e do efeito. Se é uma pessoa é bondosa sempre encontrará a bondade ao seu lado, se é mau, encontrará também o mau. Muitos dos chamados carmas são nada mais do que Espíritos Obsessores querendo vingança...

Sem bondade, rentidão, solidariedade, compreensão e perdão não há caminhos!

Obrigado pelas palavras no nosso blogue, volte sempre...

abraços,
O Sibarita
Sem imagem de perfil

De Friedrich a 03.03.2007 às 12:40

Satisfação plena o teu blogue. Beijos boa semana
Sem imagem de perfil

De Erika a 03.03.2007 às 14:28

Amo Taiguara!!!!!!!!!!!!!!! cum força.... tanto que fui a um show dele com a cara inchada de ter arrancado um siso bem naquele dia.. mas fui.. rsrs

Acredito muito no karma... mas muitas vezes eu acho que botam demais a culpa nele...

Beijos

Comentar post


Pág. 1/4



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2007
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2006
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2005
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D



Há quem observa com atenção, senta, e se interessa em saber quem sou.


Blog Brasileiro, do Ceará para o Mundo


Adoro ouvir o barulho da chuva batendo no telhado, tomar banho de cachoeira, observar os pássaros, cuidar de animais, conversar com pessoas, aprender, rir à toa, ouvir música e viajar.
Transito livremente no mundo dos contos, da fantasia, da intuição, e às vezes dos exageros.
Gosto de pessoas com coração e olhos de poeta.
Pisciana, com ascendente em escorpião.
Mulher de Netuno, arquétipo água: mutável, humanista, idealista, sonhadora; aparentemente passiva, mas extremamente reacionária, autoritária, insegura e adaptável.
Mãe da Fernanda e da Camilla, casada com o Fernando.
Terapeuta ocupacional, estudante de psicologia.

Image Hosted by ImageShack.us

Uma eterna peregrinação...
Programa Reviver
Jaqueline Sales


CLIQUE PARA OUVIR


Quantos me visitam...









Uma cidadã lupina no mundo e do mundo



Guest-Book
Image Hosted by ImageShack.us
Livre D'or




Nada é permanente, a não ser a mudança


Uploaded with ImageShack.us
Nascer
Crescer
Aprender
Viver
Mudar
Sofrer
Amar
Morrer
Começar tudo de novo...
Até saber quem somos e a que viemos



A vida em imagens


.¸¸.•*´¨`*•.¸¸.•☆ Infinita e Impermanente como a vida, são as imagens.... ☆.¸¸.•*´¨`*•.¸¸.•




Obrigada pela sua visita!

☆≈≈≈Cinderela, mascote dos Uivos da Loba≈≈≈☆


Jaqueline Sales Sales

Criar seu atalho