Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



O TEMPO

por Keila, a Loba, em 10.11.07
Claudinha Pit é uma das primeiras amigas blogueiras com quem mantive contato logo que inaugurei os Uivos na weblogger,
Claudia Pit
. Passamos bons e maus momentos juntas, choramos, sorrimos, e ainda contamos nossas histórias. Ela me deu um selinho que diz que vale a pena passar nos Uivos da Loba, mas a verdade é que vale muitoooo a pena tê-la como amiga. Obrigada, querida.

Image Hosted by ImageShack.us


Vale a pena deixar emoções e pegar os sentimentos que rolam nos blogs que serão listados abaixo. Uuuiiivemm por lá, amigos

Quem Tecla não Chora

Oscar Luiz

O Árabe

Kyaya

Casal de Lobos

Quem me concedeu essa honra Literária foi minha Amiga-Irmã-Loba Vitória, Quem Tecla Não Chora
, o qual tenho enorme admiração porque é a detentora de um dos mais puros e sensíveis coração da net. Obrigada, querida.


Image Hosted by ImageShack.us

"Todos temos blogs pelo fato de gostarmos de escrever. Por prazer, profissionalismo, ou qualquer motivo pessoal. E a maioria gosta de escrever para liberar algum sentimento profundo, seja ele bom ou ruim. Escreve para se encontrar, para analisar a situacao depois de algum tempo, ou naquela mesma hora, e tambem por essa paixao de por tudo no papel. E estou chamando esses blogueiros de Escritores da propria liberdade. Escritores sim, mesmo que amadores, que escrevem suas emocoes, que nao guardam tudo para si. Que compartilham tudo com pessoas muitas vezes estranhas(entre as conhecidas)... Escritores que admiro muito, por varios motivos, que se destacam de um jeito unico, para cada uma das pessoas que os conhecem. Blogueiros que publicam a sua liberdade de expressao."

Cinco blogueiros que falam ao coração é um universo quase impossível de listar, mas vou tentar mostrar a beleza de alguns amigos que nos encantam.

Halma Guerreira

Nana's Place

Faces de Mim

Cristalino Blogger

Blog da Moni


Claudia Pit

Ele vive me dando presentes, me diz coisas que todas as Lobas adoram, e eu fico sem poder dizer o quanto me orgulha tê-lo como amigo, como exemplo de luta e poder pessoal, pois o que tenho para homenagea-lo é um belo e carinhoso Uivooooooooo. Obrigada, meu querido Halma Guerreira, http://almaguerreira.zip.net/


Image Hosted by ImageShack.us


Eu devia ter uns cinco e poucos anos quando isso aconteceu: lembro de ter ficado muito brava com o meu pai, então corri chorando para me esconder no quintal, em um cantinho exíguo entre a lavanderia e o muro do vizinho. Fiquei espremida nesse lugar por horas e vi meu pai passar bem próximo de onde eu estava, chegando quase a me encontrar, chamando o meu nome docemente e depois com raiva, implorando que eu surgisse. Fiquei quietinha e indiferente aos seus apelos até adormecer e cair ao chão, sem que fosse possível manter-me escondida. Mais tarde minha mãe contou que papai ficou penalizado ao me ver dormindo no chão, então fez uma cara de bravo que ama a cria para logo em seguida me pôr nos braços e me levar para a cama, não economizando emoções ao contemplar meu terno e plácido sono.

Eu estava lavando uma camiseta da minha filha quando lembrei desse episódio com as mesmas emoções daquele dia, como se o tempo tivesse parado, e todas as expressões faciais do meu pai tivessem sido eternalizadas ao longo dos trinta e nove anos após esse incidente. Aos meus ouvidos, sua voz era clara e apreensiva, e seus apelos emocionais indicavam a necessidade de ser perdoado, mas eu quis que ele sofresse um pouco mais antes de me encontrar tão desprotegida e temendo ser castigada.

O que faz com que o tempo seja inesquecível? Me ocorreu filosofar sobre o tempo, coisa que Haydegger, Kant, Einstein e qualquer outra pessoa sente, mas não sabe definir porque o tempo é apenas empiricamente real: ele não existe independentemente entre as próprias coisas - é o que dizem.

O tempo é absoluto para as coisas do dia-a-dia e relativo para as pessoas em significado e sentido, e eu considero isso um feito e tanto da natureza. O Senhor Chronos passa, e na sua passsagem diz quem somos sem esquecer de apontar as mudanças que estão acontecendo em nós. Isso lembra fluxo de maturidade. Mas o tempo flui de onde para onde e para quê?

Talvez eu tenha viajado no tempo para ver meu pai e ouvir minha mãe, mas o fato é que essa rápida viagem me permitiu reviver num universo alternativo e eterno cujas imagens e sentimentos foram tão reais, diversos e distintas que, por alguns milésimos de segundo, eu fui a mesma menina chorosa e carente que quis ser acalentada tanto quanto a terapeuta ocupacional de agora.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:49


47 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 10.11.2007 às 12:48

Gostei da foto.
Não sei dizer nada sobre o tema, mas gostei do que disse.
Adorei a musica.
UUUiiivando de Portugal. eheheh
Manuela.
Abraço
Sem imagem de perfil

De Moura ao Luar a 10.11.2007 às 12:54

deixo-te um beijo de prazer
Sem imagem de perfil

De DO a 10.11.2007 às 15:15

Nada como o tempo,LOBA.
Não dizem que ele pode tudo??
Pois é,hehehe

Beijos e um otimo fds a vc.
Sem imagem de perfil

De vitoria a 10.11.2007 às 15:15

Querida Keila,faça o favor de mandar parar o tempo e venha às teclas receber um presentinho.Sua irmã,vitória sempre!
:))bjuiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiivosssss
Sem imagem de perfil

De Aguas da Vida a 10.11.2007 às 18:16

Penso que esta tudo ok nos comentarios do meu blog, deve ser problemas com o proprio site dos mesmos.
Um excelente domingo para ti querida amiga e obrigada pela constante presença.
Big Kiss
Sem imagem de perfil

De vitória a 10.11.2007 às 18:32

Obrigada Keila:)
Sem imagem de perfil

De vitoria a 10.11.2007 às 18:52

kkkkkkkkk....Keila eu agradeci tu teres-me dado aí esses epítetos todos...ainda não havia selo,não...kkkk
OBRIGADA!Bem esse de vale a pena conferir...sei não,mas se achas ainda bem...o meu blog não tem nem LINKS ..kk,nem nada de interesse...mas eu fico muito vaidosa por estar hoje e por ti a ser alvo de palavras tão bonitas.Espero que tds os q vão "conferir"achem tbm,kkk.Agora vou passear mas logo que volte eu faço a postagem e nomeio os outros.bjj)
Sem imagem de perfil

De edna a 10.11.2007 às 19:01

Minha amiga querida, vim rapidinho...
Está difícil dizer alguma coisa. Sentimento, amor e uma amiga que trasnscende o tempo e o espaço.
"Para acada um de nós existe alguma pessoa especial. Muitas vezes existem duas, três ou mesmo quatro. Todas vêm de gerações diferentes.
Atravessam oceanos de tempo e profundidades celestiais para estarem conosco novamente. Vêm do outro lado do céu. Podem parecer diferentes, mas nosso coração as reconhece. Há entre elas e nós um laço eterno, que nunca nos deixa sós."
(Brian Weiss)
Com carinho,
Edna
Sem imagem de perfil

De Moni a 10.11.2007 às 19:02

Amiga querida...

Muito obrigada por me ver entre os que escrevem com os sentimentos. Isso me faz ter a certeza do que sinto.
Agradeço a você e por sua presença nesse espaço que parece tão distante mas que nos deixa próxima pela forma como escreve, com a intenção (efetivada, diga-se de passagem) de nos tocar.
Obrigada por te dividir conosco!

P.S.: Só não entendi sobre o selinho...:(
Como faço pra pegar???
rsrsrsr

Monte de beijos,

Moni
Sem imagem de perfil

De Oscar Luiz a 10.11.2007 às 20:29

Ah, querida!
Agora quem vai uivar sou eu...
Auuuuuuuuuuuuuuu!
Muito muito muito obrigado!
Sabia que vindo de você só poderia ser coisa boa...
Beijo! Beijo! Beijo!

Comentar post


Pág. 1/5



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2007
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2006
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2005
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D



Há quem observa com atenção, senta, e se interessa em saber quem sou.


Blog Brasileiro, do Ceará para o Mundo


Adoro ouvir o barulho da chuva batendo no telhado, tomar banho de cachoeira, observar os pássaros, cuidar de animais, conversar com pessoas, aprender, rir à toa, ouvir música e viajar.
Transito livremente no mundo dos contos, da fantasia, da intuição, e às vezes dos exageros.
Gosto de pessoas com coração e olhos de poeta.
Pisciana, com ascendente em escorpião.
Mulher de Netuno, arquétipo água: mutável, humanista, idealista, sonhadora; aparentemente passiva, mas extremamente reacionária, autoritária, insegura e adaptável.
Mãe da Fernanda e da Camilla, casada com o Fernando.
Terapeuta ocupacional, estudante de psicologia.

Image Hosted by ImageShack.us

Uma eterna peregrinação...
Programa Reviver
Jaqueline Sales


CLIQUE PARA OUVIR


Quantos me visitam...









Uma cidadã lupina no mundo e do mundo



Guest-Book
Image Hosted by ImageShack.us
Livre D'or




Nada é permanente, a não ser a mudança


Uploaded with ImageShack.us
Nascer
Crescer
Aprender
Viver
Mudar
Sofrer
Amar
Morrer
Começar tudo de novo...
Até saber quem somos e a que viemos



A vida em imagens


.¸¸.•*´¨`*•.¸¸.•☆ Infinita e Impermanente como a vida, são as imagens.... ☆.¸¸.•*´¨`*•.¸¸.•




Obrigada pela sua visita!

☆≈≈≈Cinderela, mascote dos Uivos da Loba≈≈≈☆


Jaqueline Sales Sales

Criar seu atalho