Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



A FORÇA DOS QUATRO ELEMENTOS

por Keila, a Loba, em 28.04.10

 

Estava atravessando o corredor do Hospital do Coração, em Fortaleza, para visitar uma pessoa que estava internada em uma das várias alas que havia ali, quando vi e ouvi um médico conversando com uma colega sobre os sintomas incomuns narrados por um paciente que se dizia doente todas às vezes em que a Lua cheia aparecia no céu.

 

O paciente revelou ao médico que sentia “um vigor incomum” ao ver a Lua imensa e vaporosa no céu; também revelou que parecia mais “propenso ao sentimentalismo” e ao amor quando a rainha dos astros surge mística e poderosa no firmamento. 

 

O médico continuou o relato do paciente ao lado de sua amiga, e num dado momento achei interessante quando uma questão peculiar foi lembrada: o corpo humano é composto de água, entre 70 e 75%. Na média, a proporção de água no corpo humano é idêntica a proporção entre terras emersas e águas na superfície do planeta Terra. Estranha coincidência - http://www.aguas.cnpm.embrapa.br/natureza/agua/aguahumano.htm

 

Eu acredito que a Lua, assim como influencia as marés, os ventos e outros aspectos da biologia na Terra - todos sabemos que os agricultores se baseiam nos ciclos lunares para realizar o cultivo de várias espécies de sementes -  também tem forte influência nos mecanismos da irrigação sanguínea humana, que tem em sua composição entre 70 e 75% de água.

 

Curiosa e interessada no assunto, busquei na net algumas informações bacanas!

 

 

                                                                                                                

A astrologia é baseada nos quatro elementos do universo: Ar, Terra, Fogo e Água, cada qual representando um aspecto da natureza humana.A partir de uma pesquisa sobre esse tema, buscamos na teoria, especialmente no livro “Correntes da Vida”, de David Boadella, o embasamento para uma entedermo um pouco mais sobre isso.

 

O monge Ferrarius define a alquimia como “a ciência dos quatro elementos”, que são encontrados em todas as substâncias da criação, mas que não são de natureza vulgar. A prática desta arte consiste simplesmente em conseguir que estes quatro elementos se convertam uns nos outros.”Saibam, pois – diz Nicolas Flamel em seus escritos -, que esta ciência consiste no conhecimento dos quatro elementos (incluídas suas estações e qualidades), que se transformam mútua e reciprocamente uns em outros. Todos os filósofos coincidem neste ponto. E saibam que sob o céu existem quatro elementos que, sem serem visíveis, se percebem através dos seus efeitos; a partir deles, os filósofos, amparando-se na doutrina elementar, criaram e desenvolveram esta ciência”.
 

Aristóteles, freqüentemente citado nos textos alquímicos, indicava que: os quatro elementos se relacionam em virtude de suas propriedades, tais como o calor e o frio, a secura e a umidade:

 

Calor + Secura = Fogo
Calor + Umidade = Ar
Frio + Secura = Terra
Frio + Umidade = Água

                                   

                                                      

Embora os filósofos gregos ensinassem que o princípio de todas as coisas era a água, conforme Tales, ou o Ar, como dizia Anaximandro ou o Ar e a Água, como afirmava Xenófanes, ou os quatro elementos , Terra, Água, Ar e Fogo, como propugnava a escola de Hipócrates, o pensamento grego tendeu a marcar as profundas distinções que desembocaram na teoria dos quatro elementos , dos quatro  humores do corpo humano, etc., que mantiveram os discípulos de Aristóteles. 

As teorias de Hipócrates incorporavam aspectos de anatomia, fisiologia e temperamento. Ele postulava que o temperamento surgiu de variadas misturas dos quatro  humores (terra, água, fogo e ar), que respondiam por medos (phobos), vergonha e pesar (lype), prazer (hedone), e as paixões em geral. A propósito, uma lista semelhante de  elementos foi apresentada pelos sábios da China e Japão: fogo, água, madeira, metal e terra.

 
A teoria dos elementos  e a idéia oriental da transmutação dos quatro elementos  se sincretizaram em Alexandria, sendo desenvolvidas posteriormente pelos alquimistas árabes Jabir (Geber), Razi (Rhasis) e Ibn Sina (Avicena).

 

                                                                                                         

A astrologia é a leitura da linguagem simbólica da energia criadora que se manifesta na natureza. Os quatro elementos, representam diferentes formas de expressão dessa energia e são os construtores invisíveis das estruturas da vida. Cada um dos quatro elementos é representado por três signos, formando assim quatro   trígonos. Utilizar a magia dos quatro elementos  é, simplesmente, seguir as leis e os acessórios fornecidos pela Mãe-Terra…Na natureza não existem só   elementos  puros. Isso quebra a visão de que tudo tem que ser exatamente como relacionado na tabelinha e  na prática vemos que não é por aí.

 

Cada elemento é, portanto, um tipo básico de consciência ou atividade que opera em cada indivíduo. Cada pessoa responde a essa influência de um modo particular, conforme o modelo básico que corresponde ao seu mapa de nascimento. O balanço dos elementos permite identificar se essas quatro  forças do universo estão equilibradas ou desbalanceadas na psique das pessoas.

 

O elemento água traz a sensibilidade, a emotividade e a empatia.

 

O elemento terra traz a estabilidade, a praticidade e o contato com a realidade.

 

 O elemento fogo traz a iniciativa, o entusiasmo e a expressividade.

 

O elemento ar traz o pensamento racional, a intelectualidade e a sociabilidade.

 

Para exemplificar um balanço de  elementos vamos entender o que acontece com uma pessoa que possui muitos planetas em signos de fogo. Isso implica que essa pessoa possui um desequilíbrio dos elementos devido ao excesso de fogo. O excesso de fogo dá a capacidade de empreender e arriscar, sem pensar nas conseqüências. Ao mesmo tempo, a pessoa é franca, às vezes grosseira, objetiva e não tem paciência para esperar, quer ser a primeira a saber e a fazer. São indivíduos alegres, divertidos e barulhentos. Preocupam-se em agradar o próprio ego. E isso traz conseqüências para a formação psíquica dessa pessoa, fazendo com que ela tenha um excesso de energia vital que traz exageros na auto-confiança, no entusiasmo e na individualidade, podendo ser uma pessoa egoísta, vaidosa, egocêntrica, sem tato, extravagante e auto-indulgente. O excesso desse elemento unido ao elemento ar, causa cegueira e arrogância intelectual. A pessoa por impaciência perde o foco de seus estudos e não consegue concentrar-se em atividades que requeiram debates ou diálogos sobre assuntos que envolvem o contexto social. Buscam a diversidade de assuntos sem aprofundamento, são dispersos, faltando conteúdo que dê embasamento a suas afirmações. Normalmente, possuem dificuldade para explicar seus posicionamentos e irritam-se quando questionados.

 

SIGNOS DE FOGO: ARIES   – LEÃO – SAGITÁRIO

SIGNOS DE TERRA: TOURO – VIRGEM – CAPRICORNIO

SIGNOS DE AR: GÊMEOS – LIBRA – AQUÁRIO

SIGNOS DE ÁGUA: CÂNCER – ESCORPIÃO – PEIXES

 

 

 

A influência da Lua em nossa vida diária

http://www.girafamania.com.br/primitiva/astrologia-lua.htm

 

- A madeira, cortada depois da Lua cheia, seca depressa e dá boa lenha, ao passo que, cortada depois da Lua nova, não seca tão rapidamente, mas é mais durável e presta-se para trabalhos de carpinteiro e marceneiro;

 

 – Convém plantar, nos dias que vão desde as 24 horas depois da Lua nova até o dia da Lua cheia, aquilo que dá fruto acima da terra e, na quinzena que vai desde as 24 horas depois da Lua cheia até o dia da Lua nova, plantar aquilo que dá fruto debaixo da terra, como também cortar árvores;

 

  – Pessoas fracas e doentes sentem a influência da Lua; insônia, cansaço, dores, erupções, inchações são mais fortes e mais extensos depois da Lua nova, ao passo que, relativamente, são menos fortes e menos extensos na quinzena minguante;

 

– Para destruir plantas nocivas, o melhor tempo é quando a Lua está em Áries, Gêmeos, Leão, Virgem, Sagitário ou Aquário;

 
– Querendo, porém, colher sementes, devem elas ser plantadas entre o quarto crescente e a Lua cheia, achando-se a Lua no mesmo signo (Libra);

 
– As plantas curativas devem ser colhidas quando as hastes estão cheias de seiva, perto da Lua cheia, e de preferência pela madrugada;

 
– As plantações de frutas e outros alimentos devem ser feitas quando a Lua estiver em Câncer, Escorpião ou Peixes e no segundo ou terceiro dia antes da Lua cheia.

 

 

Pesquisa:

 

http://blog.opovo.com.br/astrologia/page/4/, por Jane Melo

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:18


25 comentários

Sem imagem de perfil

De ANA a 28.04.2010 às 01:43

ILUMINANDO O SEU EU SOMBRA

Mestre Kuthumi lhes dá uma compreensão e um exercício para superar e transmutar as suas energias mais escuras e as dos outros.

Enquanto eu venho a sua presença mais uma vez, acalmem-se em seu corpo e mente. Fiquem tranqüilos, abertos para receber, ponderem as minhas palavras e ouçam a orientação do seu Eu Superior.

Em primeiro lugar eu preciso que vocês compreendam o seu eu sombra. É uma faceta sua, uma faceta do seu pensamento, do seu comportamento. O que eu quero dizer com a palavra faceta? É uma face sua, é parte de vocês. Seu eu sombra lhes proporciona a experiência da dualidade, em seus pensamentos, em seu discurso e comportamento. Aqui eu menciono o seu eu sombra com o propósito de facilitar, de compreender e também porque o seu eu sombra contém pouca Luz, portanto ele é mais obscuro do que o seu Eu Superior que é Luz.

Grande parte da transição que vocês estão vivenciando são os efeitos destas duas facetas do eu – a sombra e o Eu Superior. Simplesmente colocado – a dualidade.

Estes dois eus lhes permitem experienciar, comparar, compreender todos os lados, todas as facetas. Permitam-me lhes dar um exemplo. Vocês podem desejar criar um novo início, talvez vender a sua casa. Vocês visualizaram, planejaram e aguardaram ansiosamente na antecipação de uma venda. Subitamente chega uma tempestade com fortes ventos. A casa sofre danos e necessita de reparos. Seu plano é agora afastado. Descrença, raiva e desapontamento se seguem.

Apenas há algumas semanas vocês estavam entusiasmados, cheios de antecipação de como seria a sua próxima casa. Vocês pensaram ansiosamente no espaço, nos quartos, nos móveis. Agora isto está afastado. Eu digo colocado de lado, não terminado, pois o seu desejo não se foi. Este é somente um impedimento temporário em seu caminho. Entretanto, o seu eu sombra aparece e se afasta muito da Luz que vocês mantinham anteriormente. A raiva rapidamente se forma. Vocês procuram ver a quem podem responsabilizar e descarregar a sua raiva. Neste ponto qualquer pessoa será responsabilizada. Aqueles mais próximos sentirão a dureza de suas palavras iradas. Amigos e associados simplesmente ouvirão a sua raiva através de uma longa sessão de reclamações verbais, mesclada com um desejo por simpatia. Entretanto, o eu sombra não será liberado facilmente. A raiva se encontra abaixo da superfície, esperando ressurgir a qualquer oportunidade – até usando problemas alheios para vir à tona. A raiva tem uma influência mais forte de sua personalidade. Vocês residem em seu próprio eu sombra, na escuridão durante este tempo.

Aqueles que são sensíveis à energia da aura podem ver a sua raiva e senti-la. A primeira reação é se afastar da energia da raiva porque eles não querem que a raiva os “exaspere”. Isto pode acontecer facilmente. Sim, vocês precisam compreender isto também. Quando alguém que está no fluxo da vida, tranqüilo, calmo, entra em contato com uma pessoa que está mantendo uma forte energia negativa, tal como uma forte raiva, a negatividade pode ser absorvida em seu campo áurico.

A pessoa começará a se sentir descontente, inquieta e eles também começam a se dirigir para o seu próprio eu sombra. Vocês mesmos podem ter notado este efeito após um dia de compras em um shopping Center. Algumas vezes vocês serão deixados com um sentimento de opressão após a sua experiência no shopping.

Eu chamo a isto de um acúmulo de várias energias das dimensões menos elevadas. Por ser uma energia de uma dimensão menos elevada, que é “pesada”.

Eu uso uma experiência no shopping meramente como um exemplo.

Aqueles que operam a partir de um nível mais elevado sentirão como que um peso ao seu redor, em seu campo de energia. Isto não se adapta bem com os seus níveis energéticos mais elevados. Se não for afastada, esta energia menos elevada continuará a se formar em seu campo de energia. Logo vocês começarão a operar a partir do seu eu sombra. Este efeito pode acontecer rapidamente com duas pessoas que se amam. Algumas vezes elas interagem muito intimamente uma com a outra. Quando uma experiencia frustrações ou raiva, palavras e ações negativas se seguem geralmente. A outra pessoa é rápida ao absorver a emoção negativa de outros e a raiva se espalha como um vírus. Isto acontece muito rap
Sem imagem de perfil

De ANA a 28.04.2010 às 01:45

CONTINUAÇÃO

Aqueles que operam a partir de um nível mais elevado sentirão como que um peso ao seu redor, em seu campo de energia. Isto não se adapta bem com os seus níveis energéticos mais elevados. Se não for afastada, esta energia menos elevada continuará a se formar em seu campo de energia. Logo vocês começarão a operar a partir do seu eu sombra. Este efeito pode acontecer rapidamente com duas pessoas que se amam. Algumas vezes elas interagem muito intimamente uma com a outra. Quando uma experiencia frustrações ou raiva, palavras e ações negativas se seguem geralmente. A outra pessoa é rápida ao absorver a emoção negativa de outros e a raiva se espalha como um vírus. Isto acontece muito rapidamente porque elas estão muito abertas à outra pessoa, muito próximas e elas se tornam como uma esponja absorvendo as emoções da outra pessoa. Há muitos exemplos disto ocorrendo.

2º Passo

Quando vocês entram em um estado de consciência nova, como podem mudar isto. O que podem fazer? Em primeiro lugar, vocês precisam ouvir à voz interior do seu corpo. Reconheçam o que vocês sentem. Compreendam o que estão sentindo. Reconheçam-no. Isto é importante fazer. Uma vez que reconheçam por que estão sentindo o seu eu sombra, por que entraram neste espaço, então poderão evitar que a negatividade se forme em seus corpos mentais e emocionais.

Com o reconhecimento vocês começam a se encarregar do seu eu sombra. Vocês podem então lidar com ele, superá-lo e suprimi-lo.

Como vocês o suprimem? Uma vez que tudo surge da intenção, eu lhes pergunto: Qual é a sua intenção neste momento do reconhecimento? Freqüentemente a ação está fora do seu controle. Pode ser uma tempestade, ou a ação de outro, ambos estão fora do controle. Compreendam que vocês não podem mudar o evento. Nem podem mudar a raiva ou a crítica do outro. Eles devem assumir a responsabilidade por isto. É sua intenção permanecer na escuridão de seu eu sombra ou permanecer no fluxo da Luz de sua vida? Sua intenção faz a escolha. Vocês percebem que não é tão difícil.

Agora, em 2010, vocês devem assumir a responsabilidade pela sua totalidade. Sua intenção, palavras, ações, através do templo do seu corpo. Sua saúde, sua alimentação. É tudo responsabilidade sua, mais do que nunca. Reconheçam as suas escolhas. Este é o único meio de criar o seu futuro. Quando um evento acontece em seu mundo externo que vocês não podem controlar ou alterar, o que afeta o seu corpo emocional, recuem. Observem bem a situação e os seus sentimentos em relação a ele. O que vocês estão notando? O que vocês estão sentindo a partir do seu Eu Superior? Às vezes vocês verão algo bom, não óbvio à primeira vista. Outras vezes vocês simplesmente esperarão que a situação se disperse. Pode ser um tempo para observar apenas. Gostaria que se lembrassem de levar os seus sentimentos à Luz, ao seu Eu Superior, à Deus. Aqui eles são facilmente transmutados, e as soluções encontradas.

Entristece-me quando ouço as palavras: “Mas eu não posso fazer isto, eu não sei como”. Meu amigo, é somente a sua mente consciente que se esqueceu. A sua intenção é que é importante. Simplesmente peçam, verbalizem que isto lhes seja tirado e transmutado na Luz. Eu lhes digo que assim será. Sua intenção é tudo, é tudo.

Durante os seus tempos de transição e de mudanças da Terra que vocês estão experienciando, tomem cuidado para que o seu eu sombra não os dirija, particularmente os seus pensamentos.

É quando vocês param e reconhecem que verão a situação claramente, sem uma névoa de raiva. Vocês são então capazes de transcender o seu eu sombra e manter um fluxo de Luz ao seu redor, e ao redor de sua vida diária.

Sem imagem de perfil

De ANA a 28.04.2010 às 01:46

FLUXO DE LUZ

Vocês estão despertando para o seu fluxo de Luz que sempre esteve dentro de vocês. O tempo de atenção, de reconhecer os seus sentimentos e o seu amor, está aqui na Terra – AGORA! Esta é a sua transformação. Isto é como vocês, todos vocês, começarão a criar uma nova Terra. Vocês a criarão pela intenção correta, com amor. A Paz seguirá. Vocês ouviram estas palavras muitas vezes, não ouviram? É porque elas são a verdade. Estas palavras contêm o futuro do homem. Não as deixem de lado, eu os incito. Agarrem-nas com as duas mãos e mantenham estas palavras, o significado, a responsabilidade; mantenham isto próximo a vocês. Na próxima vez que reconhecerem a opressão e a raiva surgindo dentro de vocês, lembrem-se. Parem e transmutem. Libere-as. Não tomem posse da negatividade. Movam-na. Como? vocês perguntam. Com o trabalho de respiração. Expirem-na a partir do seu campo áurico, com força e rapidamente. Deixem-me lhes dizer:

Vocês podem se sentar ou permanecer com os seus pés levemente separados para o apoio do seu corpo.

Inspirem muito profundamente. Sintam o poder e a intenção enquanto vocês enchem os seus pulmões com ar.

Agora rapidamente e com força, soprem o ar para fora de sua boca, como uma grande rajada de vento, liberando a energia velha e negativa de dentro de vocês.

Imaginem um balão que vocês encheram e então o liberam. O ar se precipita muito rapidamente e com força, não é?

É uma força assim que vocês necessitam quando expiram rapidamente.

Não é difícil fazer e isto transmutará as energias da negatividade e da raiva se feito corretamente. Façam isto pelo menos três vezes.

Vocês devem estar alertas, conscientes. “Conhece a Ti mesmo”. Sintam o seu próprio fluxo de vida. Vivam-na, protejam-na e a alimentem com amor.

Mestre Kuthumi

http://www.luzdegaia.org/kuthumi/lynette/eu_sombra.htm
Sem imagem de perfil

De Jeanne a 28.04.2010 às 04:12

Jaqueline querida, amei este post. Tenho muita simpatia por astrologia.
A questão das características dos signos sempre dão certo.
Beijos
Sem imagem de perfil

De Fernanda a 28.04.2010 às 09:20

Realmente eu acredito na influência da Lua em nós, exactamente pelas razões aqui expostas; por ex. deve-se cortar o cabelo em Lua nova, para que ele cresça mais forte e e a depilação, deve ser feita em Lua minguante.

Quanto aos signos, Jaqueline, depois de ter descoberto a tabela de astronomia que postei no meu blogue (http://fernanda-e-filhos.blogspot.com/2010/04/sera-que-anda-ler-o-signo-certo.html), fiquei bastante convencida que os astrólogos andam a vender "banha da cobra".

Se actualmente o Zodíaco possui 13 constelações e se os dias dos signos são variáveis, mudando tudo, aquilo que conhecemos como nosso signo e vem publicado nas revistas, está totalmente desactualizado.

Enfim, os astrólogos fazem previsões, baseados num Céu que já não existe, porque os astros e a terra não são estáticos.

Comércio puro!

Bjossss
Sem imagem de perfil

De Angela Ursa a 28.04.2010 às 11:23

Amiga Loba, eu sou sua colega de signo :)) Descobri que meu ascendente é Leão. Não entendo quase nada de astrologia, apenas o básico. Mas achei estranho meu ascendente ser de elemento oposto ao signo, ou seja fogo e água juntos. Beijos floridos da Ursa!!
Sem imagem de perfil

De Hanah a 28.04.2010 às 15:06

Olá Jaqueline,
muito bom post, e era sobre os quatro elementos que eu iria abordar logo mais, acho que vou levar esse para lá, tá prontinho rsr

Fala muito de Astrologia Médica que é quando a pessoa não esta atenta aos execesso, problema não cuidado chega ao corpo físico ou à sua vida de modo que ela não entende o porque esta acontecendo aquilo.

A pessoa tendo autoconhecimento, saberá como chegar ao equilibrio, o tão almejado equilibrio que todo ser humano almeja.

Sabemos que a astrologia é regida por ciclos, então não adianta forçar a própria natureza.
Conhecendo o equilibrio dos quatro elementos de um mapa, já é um ponto de partida para conhecer a personalidade de uma pessoa e saber como ele se move no mundo.

O intuito do blog e dar as pessoas leigas a conhecer um pouco mais de astrologia e saber o que ela é. E também uma forma particular de me aplicar mais nos meus estudos, por que comecei há alguns anos atrás parei e estou voltando novamente, vai ser um exercicio muito bom interagir com as mais variadas pessoas.

Bjos estelares
Sem imagem de perfil

De aluisio a 28.04.2010 às 23:55

Querida amiga.

Hoje a minha visita é para agradecer.
Nestes dias que celebro a minha vida,
tenho certeza de que a mesma
não teria o brilho de hoje,
se não fossem os amigos e amigas
que a tornam valiosa
mesmo que distantes.

A ti gostaria de dizer obrigado:
Obrigado pelas visitas ao meu blog.
Obrigado pelas palavras semeadas.
Obrigado por sentir os meus textos
com os olhos do coração.

Sou eternamente grato a vida,
por mais estes presentes
que de modo gentil
deixas em minha vida,
fazendo de mim uma pessoa melhor,
e pleno de felicidade.

Lindos dias de vida para ti.
Sem imagem de perfil

De vandinha a 29.04.2010 às 01:44

A sorte bate em cada porta uma vez na vida, mas, em muitos casos, a pessoa está se divertindo
por aí e não a ouve. Eu tenho sorte de ter encontrado o seu blog é lindo!

vandinha.
Sem imagem de perfil

De Malu a 29.04.2010 às 02:01

otimo post.beijos

Comentar post


Pág. 1/3



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2007
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2006
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2005
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D



Há quem observa com atenção, senta, e se interessa em saber quem sou.


Blog Brasileiro, do Ceará para o Mundo


Adoro ouvir o barulho da chuva batendo no telhado, tomar banho de cachoeira, observar os pássaros, cuidar de animais, conversar com pessoas, aprender, rir à toa, ouvir música e viajar.
Transito livremente no mundo dos contos, da fantasia, da intuição, e às vezes dos exageros.
Gosto de pessoas com coração e olhos de poeta.
Pisciana, com ascendente em escorpião.
Mulher de Netuno, arquétipo água: mutável, humanista, idealista, sonhadora; aparentemente passiva, mas extremamente reacionária, autoritária, insegura e adaptável.
Mãe da Fernanda e da Camilla, casada com o Fernando.
Terapeuta ocupacional, estudante de psicologia.

Image Hosted by ImageShack.us

Uma eterna peregrinação...
Programa Reviver
Jaqueline Sales


CLIQUE PARA OUVIR


Quantos me visitam...









Uma cidadã lupina no mundo e do mundo



Guest-Book
Image Hosted by ImageShack.us
Livre D'or




Nada é permanente, a não ser a mudança


Uploaded with ImageShack.us
Nascer
Crescer
Aprender
Viver
Mudar
Sofrer
Amar
Morrer
Começar tudo de novo...
Até saber quem somos e a que viemos



A vida em imagens


.¸¸.•*´¨`*•.¸¸.•☆ Infinita e Impermanente como a vida, são as imagens.... ☆.¸¸.•*´¨`*•.¸¸.•




Obrigada pela sua visita!

☆≈≈≈Cinderela, mascote dos Uivos da Loba≈≈≈☆


Jaqueline Sales Sales

Criar seu atalho